segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

LIDERAR

Ester 4:14 - Posição para um tempo como este? 
Uma definição de líder é a vontade de dizer "Sim" ao desafio dos momentos que surgem.
Antes de podermos ser líderes eficazes, primeiro precisamos de aprender a seguir e servir.
Precisamos seguir Jesus e servir os Seus propósitos, mas também precisamos aprender a servir a Sua visão com uma atitude "o que for preciso".
Há três elementos que fazem um líder:
• Alguém que esteja preparado para pagar o preço.
• Alguém que esteja preparado para viajar pela estrada menos viajada.
• Alguém que diariamente entrega o seu coração a Jesus.

Ester é um exemplo maravilhoso de alguém que disse "Sim" ao desafio do tempo que ela encontrou.

domingo, 19 de fevereiro de 2017

UM CORAÇÃO DE LOUVOR

Um coração de louvor é inflamado por uma revelação de Deus. O que Ele é, e o que Ele fez por nós. Um coração de louvor é aquele que encontrou a graça de Cristo e está cheio de gratidão. Quando entendemos que pelo sacrifício de Cristo nós somos bem-vindos à presença de Deus, os nossos corações vão elogiá-lo e na Sua presença somos renovados (1Crónicas 16:8-12; Salmo 40:9,10).
Os nossos louvores vão reviver e tomam a forma daqueles que adoraram o Deus Altíssimo ao longo da história. Quando nos deparamos com Deus e o que Ele tem feito, nós brilhamos, nós dançamos, nós estendemos as nossas mãos em adoração; gritamos em triunfo; ajoelhamo-nos em reverência; nós tocamos instrumentos e cantamos; e saem dentro de nós canções novas, orações novas, etc.
   Através do nosso louvor, aqueles que nos rodeiam verão Deus (“Também a minha cabeça será exaltada sobre os meus inimigos que estão ao redor de mim; pelo que oferecerei sacrifício de júbilo no Seu tabernáculo; cantarei, sim, cantarei louvores ao Senhor.Salmo 27:6). Qualquer que seja a circunstância, nos lembrarmos de Deus e o nosso coração vai sempre elogiá-Lo, e Ele estará sempre connosco e nós vamos brilhar.

 Ele enche a nossa vida com o Seu Espírito e somos libertos da influência do poder das trevas e do pecado. A nossa liberdade e decisão para expressar louvor de Deus é uma faísca, que Ele vai usar para incendiar os corações daqueles que nos rodeiam. Ele nos reviveu, e através dos nossos louvores Ele irá reviver, reparar, reconstruir e restaurar as vidas quebradas à nossa volta.  

PRESENTE INDISCRITÍVEL

Este presente é a Graça de Deus! Uma graça que contém suficiência em todas as coisas e abundância para toda a boa obra.
 Há coisas que podemos descrever, como um Salvador crucificado entre dois ladrões numa cruz, mas o que aconteceu é indescritível. E não é só o que aconteceu então, para eles, é o que ainda acontece agora para nós. Os Seus efeitos continuam em curso! (“Ora, Àquele que é poderoso para fazer tudo muito mais abundantemente além daquilo que pedimos ou pensamos, segundo o poder que em nós opera. A esse glória, na Igreja, por Jesus Cristo, em todas as gerações, para todo o sempre. Amén.” Efésios 3:20,21).
Quando sabemos o que a vida é há muito mais propósito.
Deus é fiel à Sua palavra e sabe cuidar de nós, mas é sempre para algo que é muito maior do que nós. Ele quer nos usar para multiplicação e aumento, para trazer louvor a Ele e fazer a diferença na vida das pessoas. Jesus Cristo fez isto na cruz!
         Não é o que dizemos que faz a diferença, é o que acontece depois de dizermos! É isso que tem um impacto geracional e torna autêntica a nossa confissão de fé.

Acontecer é que é indescritível. Tem efeitos eternos!

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

TAL COMO É

Já alguma vez entraste numa loja com descontos onde a mercadoria tem etiquetas que dizem: "Com defeito"? Muitas vezes não te dizem onde está o defeito e uma vez comprado o produto não podes devolvê-lo. Bem, no caso de não teres reparado, todos nós vivemos um pouco neste departamento. Pára e pensa nas pessoas da tua vida. São um saco com uma mistura de pontos fortes e de fraquezas, virtudes e vícios, certo? Se procuras a perfeição, estás na loja errada. Onde quero chegar com isto? É que a única forma de termos uma relação bem-sucedida com alguém é aceitar essa pessoa "tal como é". Não caias no mito que diz que a maioria das pessoas são normais, excepto aquelas que fazem parte da tua vida. Com base nesse mito, os relacionamentos são uma procura infindável para "compor" os outros, controlá-los, ou fingir que são algo que eles não são.
Thomas Merton disse: "O amor é deixar que aqueles que amamos sejam perfeitamente eles próprios, e não os mudar para que se adequam à nossa imagem. Se assim não for, apenas amamos o reflexo de nós mesmos que vemos neles. Um sinal de maturidade espiritual é ter consciência de que ninguém é perfeito, e comprometer-se a amar as pessoas apesar disso."
O Apóstolo Paulo escreveu: "Suportando-vos uns aos outros, e perdoando-vos uns aos outros, se algum tiver queixa contra outro; assim, como Cristo vos perdoou, assim fazei vós também." (Colossenses 3:13).
Amar alguém, "tal como é", significa focar-se nos seus pontos fortes e apoiar a pessoa nas suas áreas de maior fraqueza. "Então e os seus defeitos?", Perguntas tu. "...porque o amor cobrirá a multidão de pecados." (1Pedro 4:8).  

domingo, 12 de fevereiro de 2017

REVIVE, RESTAURA E REPARA

1. Nós precisamos de reviver as coisas mortas ou moribundas, e este é um tempo em que a paixão espiritual de algumas pessoas será revivida; Uma renovação da paixão espiritual por Cristo. Ou se o teu sonho parece ter chegado a uma espécie de morte, vamos acreditar em vê-lo revivido. Onde quer que as coisas na tua vida estão mortas ou morrendo, este é o tempo de reavivamento! “E vos vivificou, estando vós mortos em ofensas e pecados.” Efésios 2:1
2. Nós restauramos coisas velhas e valiosas. Nós precisamos de acreditar em ver algumas coisas velhas que caíram no esquecimento a serem restauradas (“Mas ide, dizei aos Seus discípulos e a Pedro, que Ele vai adiante de vós para a Galileia; ali O vereis, como Ele vos disse.” Marcos 16:7).

3. Nós reparamos coisas quebradas. Se temos escravidão na forma de depressão, vício ou conflito interno, que nos está quebrando o relacionamento com Deus e uns com os outros, este é o tempo de reparar o que está quebrado (“…Então disseram: Levantemo-nos e edifiquemos. E esforçaram as suas mãos para o bem.” Neemias 2:18).

WEBTV ClubeMais+