segunda-feira, 29 de junho de 2015

EM VEZ DE TE QUEIXARES, MUDA!

Uma criança queixa-se da outra: "Mãe, ele bateu-me!" Ela estava convencida de que era culpa do seu irmão, e que ele tinha de ser castigado, e que ela tinha de ter a compreensão da mãe e ser absolvida de toda a responsabilidade. Mas o seu irmão tem igualmente a certeza. "Ela é que começou. Tirou-me o brinquedo." Crescemos, mas nem sempre ficamos mais sábios! "Aconteceu", dizemos. E depois começamos a culpar as pessoas e as circunstâncias. Fazemos o que queremos e depois não queremos pagar o preço, então queixamo-nos das consequências dizendo que não foi culpa nossa. Não é assim que Deus trabalha e, para além disso, isto não funciona. "De que se queixa, pois, o homem vivente? Queixe-se cada um dos seus pecados." (Lamentações 3:39). O que funciona com Deus é o seguinte: Primeiro, consciencializa-te de que o teu comportamento foi errado. Alguém pode ter começado tudo, mas a tua participação é da tua responsabilidade. Deixa os pecados dos outros para Deus e preocupa-te com os teus. Segundo, olha para os teus comportamentos. Olha para a forma como ages em situações semelhantes. Aprende com isso, para que possas mudar! Terceiro, vê se os teus caminhos realmente funcionam. Analisa, observa e julga o quanto os teus caminhos têm realmente funcionado, ou não. Se não funcionarem, muda! Repetir comportamentos errados faz com que continues a falhar. Voltar a fazer as coisas e fazê-las à maneira de Deus, faz a frustração tirar-te a alegria e a realização!

quinta-feira, 25 de junho de 2015


CLICA EM CIMA

segunda-feira, 22 de junho de 2015

O PODER DO ENCORAJAMENTO

Todas as pessoas precisam de encorajamento. Nenhum de nós alcança seja o que for sem ajuda. Os grandes vitoriosos da História tornaram-se tudo o que foram por causa das pessoas que passaram nas suas vidas. Todos conhecemos as "Crónicas de Nárnia" e "O Senhor dos Anéis". Mas sabias que os seus autores, CS Lewis e JRR Tolkien, eram professores na Universidade de Oxford e mantinham uma amizade próxima? Todas as semanas se juntavam para comer, conversar sobre os seus sucessos na escrita de ficção e ler passagens dos seus trabalhos, ainda por publicar. Foi Tolkien que encorajou Lewis, um ateu assumido, a explorar o Cristianismo, o que acabou por levar à sua conversão. E foi Lewis que encorajou Tolkien a continuar a escrever e a procurar publicar os seus trabalhos. Não tivesse sido a amizade entre os dois, e o encorajamento mútuo, e o mundo não tinha recebido o mais admirável escrito em apologética do século vinte, nem um dos mais admiráveis trabalhos de fantasia jamais escritos.
Todos os que recebem encorajamento, jovens e mais velhos, bem sucedidos e menos bem sucedidos, famosos e anónimos, são mudados por ele. Mark Twain disse: "Um elogio pode fazer-me continuar durante um mês inteiro." Uma palavra de encorajamento de um esposo pode fortalecer, e até salvar, um casamento; uma palavra de encorajamento por parte de um professor pode mudar a vida de uma criança; uma palavra de encorajamento de um líder pode levar uma pessoa a desenvolver e mostrar todo o seu potencial. Zig Ziglar disse: "Nunca se sabe quando um momento e algumas palavras sinceras podem ter impacto numa vida." A Bíblia diz: "Favo de mel são as palavras suaves, doces para a alma, e saúde para os ossos." (Provérbios 16:24).

sexta-feira, 19 de junho de 2015

NÃO TENHAS MEDO DE FALHAR

Enquanto não conseguires ultrapassar o medo de falhar, ficarás imobilizado com a ideia de correr um risco. O mais importante que tens de te lembrar é que falhar não é desistir. A História mostra que o falhanço pode, na verdade, tornar-se uma ponte para o sucesso. Na escola, Napoleão era o quadragésimo segundo numa turma de quarenta e três, no entanto, formou um exército que conquistou uma grande parte do mundo. George Washington perdeu três terços das suas batalhas militares, no entanto contra todas as esmagadoras probabilidades, ganhou a Guerra da Revolução e mudou a História da América. Albert Einstein tinha tantas dificuldades de aprendizagem que lhe sugeriram que deixasse de estudar Física e passasse a estudar outras coisas, no entanto ele é considerado o pai da era atómica. Quando pensas nestes nomes, não recordas os seus falhanços mas o seu contributo para a Humanidade. Só quando tu considerares que o teu falhanço é o fim, é que tu és finalmente um falhanço! O falhanço não é um acontecimento, apenas uma opinião, e desde que não seja a tua opinião, tu podes voltar a ser bem-sucedido. ("Porque sete vezes cairá o justo, e se levantará." Provérbios 24:16). No seu discurso inaugural, Franklin Roosevelt disse à nação: "A única coisa que temos de temer, é o próprio medo." O falhanço não é fatal, tu podes recomeçar. Mas o medo de falhar pode acabar por ser fatal para os teus objectivos ao impedir-te de voltares a tentar.
Depois de catalogar todos os necessários possíveis que se podem erguer contra nós, tais como a tribulação, a angústia, a fome, a nudez, o perigo, a espada, Paulo escreve: "Mas em todas estas coisas somos mais do que vencedores, por aquele que nos amou." (Romanos 8:37). Não tenhas medo de falhar!

quinta-feira, 11 de junho de 2015


CLICA EM CIMA

segunda-feira, 8 de junho de 2015

DEUS ESTÁ A DAR-TE UMA NOVA OPORTUNIDADE

O plano do diabo era infectar Adão com o vírus do pecado antes do seu primeiro filho nascer, dessa forma ele poderia chegar a todos nós. E quase funcionou. Caim, o primeiro filho de Adão e Eva, assassinou o seu irmão Abel. Mas Deus ainda não tinha acabado. "E tornou Adão a conhecer a sua mulher; e ela teve um filho, e chamou o seu nome Sete, porque, disse ela, Deus me deu outra semente em lugar de Abel; porquanto Caim o matou." (Génesis 4:25) . Por tudo aquilo que amaste ou perdeste, Deus tem algo mais. Por tudo o que te foi tirado, Deus tem algo mais. A tua "semente" é o teu futuro, e Deus tem em mente outro para ti. A situação em que estás agora não é o fim da história; Deus quer escrever um novo capítulo. O diabo sabia que Deus tem um plano para ti, foi por isso que ele tentou tão afincadamente fazê-lo desaparecer. Ele não quer que tu vivas o suficiente para o cumprir. Mas o facto de ainda estares aqui e seres capaz de ler este texto diz que ele falhou e Deus ainda não acabou o que tem para fazer contigo. Há uma marcação no calendário de Deus com o teu nome. "Deus me deu outro (futuro)..."
Há algo de bom a pairar sob o horizonte. Algo para a tua vida, para o teu casamento, para a tua família, para a tua carreira, para o teu ministério. Deus tem marcada uma tarefa para tu cumprires, bençãos para desfrutares. Ele chamou-te com um propósito eterno e Ele levar-te-á avante!

segunda-feira, 1 de junho de 2015

QUAL É O TEU PRINCIPAL DOM?

Tu podes ter vários e diferentes dons, mas tens de descobrir o principal e construir a tua vida à volta dele. Davi sentia que era mais do que um pastor de ovelhas, e realmente estava a preparar-se para ser rei. Matar Golias foi apenas a oportunidade para o demonstrar. Se ele não tivesse percebido isto, teria voltado para a sua vida de pastor de ovelhas. O que te cega para não veres o teu dom principal?
1) Focares-te nas tuas falhas. Em vez de te focares nos teus pontos fortes, ouves mais os teus críticos e treinas as qualidades que mais te desencorajam. Tem cuidado, as tuas companhias poderão erguer-te ou deitar-te abaixo. Isto é especialmente verdade no que diz respeito àqueles que ressentem o teu sucesso, porque lhes faz lembrar a falta deles nas suas vidas. 2) Invejar os dons dos outros. Não há problema nenhum em apreciar os outros desde que não tentes imitá-los. Em vez de viveres na sombra de alguém, desfruta da sua sabedoria. Sê como Eliseu, pede o dobro do teu mentor. As pessoas especiais são apenas comuns que reconhecem o seu dom principal e o põem a funcionar. Paulo fala de sete dons diferentes (Romanos 12:6-8). Qual é o teu principal dom? Descobre-o, desenvolve-o e depois dedica-o ao mais serviço de Deus!

WEBTV ClubeMais+