segunda-feira, 27 de junho de 2016

OUVIR O ESPÍRITO

O Espírito Santo tem muitos aspectos e actividades, mas talvez a maior coisa que o Espírito faz é revelar que Deus nos ama. O Espírito Santo é Aquele que derrama o amor de Deus em nossas vidas.
O Espírito Santo convence-nos e ajuda-nos a fazer julgamentos correctos quando precisamos. Ele vai dizer o que Ele ouve do Pai e também o que está por vir (João 16:7-13).
 Deus tem uma mensagem única e pessoal para cada um de nós, e para todos como Igreja. Uma mensagem de vida, mas depende de nós ter o coração aberto para recebê-la a partir do Santo Espírito (“Porque, na verdade, João baptizou com água, mas vós sereis batizados com o Espírito Santo, não muito depois destes dias.” Actos 1:5).
Visões, sonhos, planos e estratégias pertinentes ao reino de Deus são o que Ele, Espírito Santo, tem plantado dentro de nós. Temos de ter ouvidos para ouvir o que o Espírito diz.
O que é que o Espírito Santo precisa nos ensinar, convencer-nos ou nos convencer? O que é que Ele precisa para estabelecer em nossas vidas o plano de Deus?

Os nossos ouvidos estão abertos para ouvi-Lo? Vamos ter ouvidos para ouvir! (“Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas.” Apocalipse 2:9)

segunda-feira, 20 de junho de 2016

JEHOVAH JIREH (O SENHOR PROVERÁ)

Jeová Jireh - o Senhor proverá. Este nome de Deus surgiu através de Abraão; ele deu o nome Jeová Jireh para o lugar onde Deus providenciou um carneiro para ele sacrificar no lugar do seu filho Isaac (Génesis 22:14). Neste contexto, a provisão de Deus era a salvação. Nós vemos esta nova provisão através da crucificação de Cristo - Deus providenciou uma maneira para nós sermos restaurados e transformados num relacionamento com Ele.
Este é um dos nomes mais poderosos usados ​​para descrever a Deus - Ele sabe o que precisamos muito antes de nós. Não sabemos o que o amanhã nos reserva, mas pudemos estar confiantes sabendo que Ele vai adiante de nós e prepara o caminho. Deus providenciou para Abraão, mas não sem ele primeiro ser obediente e confiando que Deus sabia o que estava fazendo. Foi a sua fé em Deus que o ajudou (“de sorte que os que são da fé são benditos com o crente Abraão.” Gálatas 3:9).

Deus diz-nos para não nos preocuparmos com o que vamos vestir, comer ou beber porque Ele sabe que nós precisamos dessas coisas (“Não andeis pois inquietos, dizendo: Que comeremos, ou que beberemos, ou com que nos vestiremos? Porque todas estas coisas os gentios procuram. De certo vosso Pai celestial bem sabe que necessitais de todas estas coisas.” Mateus 6:31,32). Podemos estar em situações desesperadas, onde o caminho parece impossível, mas podemos saber que Deus proverá tudo o que precisamos para começar. Pode ser um emprego ou mesmo um amigo.

sábado, 11 de junho de 2016

APESAR DA FAMÍLIA E DOS AMIGOS.

Como lidava o Senhor Jesus com a Sua família carnal? (Marcos 6:1-6). É importante, antes de tudo, salientar que Ele não tentava controlar o comportamento deles, nem que o comportamento deles controlasse o Seu. Ele amava-os, mas não exigia que eles concordassem com Ele. Ele nunca se mostrava aborrecido, nem retaliava, quando O insultavam; e nem fez da Sua missão na vida tentar agradar-lhes. Se a nossa família está a dificultar-nos a nossa vontade de servir ao Senhor, vejamos três coisas em Jesus, que nos podem ajudar:
1-    Ele reconheceu que a Sua família espiritual podia dar-lhe o que a Sua família carnal não dava. É por isso que precisamos do apoio e da estabilidade que vem dos irmãos numa igreja local.
2-    Ele não deixou que a dinâmica difícil da Sua família obscurecesse a Sua chamada. A nossa família pode não compreender ou concordar, mas não podemos deixar que isso nos impeça de fazer o que Deus nos chamou para fazer.
3-    Ele recusou-Se a deixar que a opinião da sua família ditasse a Sua direcção. Ele resistiu e saiu.

          

segunda-feira, 6 de junho de 2016

TOCAR O CÉU

Deus vê o que não vemos. A sabedoria de Deus, a economia de Deus é diferente do mundo. Para Deus os que são humildes, não são aqueles que vivem de acordo com os padrões do mundo, mas são aqueles cujas vidas rendem-se a Deus para receber a Sua promessa e bênção (Génesis 22:17,18). 
Nós aprendemos com Jesus, que o caminho para cima é para baixo. A vontade de Deus é para nos elevar e nos ver exaltados (Mateus 23:12).
A maneira de tocar o céu, para receber as promessas de Deus, não é a perseguir as estrelas. Mas é quando nós ficamos comprometidos com Ele, e vivemos uma vida humilde, de obediência a Ele.
Quando nos rendemos a Jesus, entramos nas promessas de Deus.
Deus quer nos sustentar. Ele não quer que sejamos como estrelas cadentes, cuja luz parece maravilhosa num só momento mas depois desaparece. É Sua vontade tocar as nossas vidas, o que nos permite usar os dons e talentos que Ele nos deu, para vivermos uma vida de vitória.

A Palavra e as promessas de Deus, juntas, com o nosso espírito de servidão, sacrifício, humildade e fidelidade, é que nos levará a receber alguma coisa d’Ele. Sabemos que é apenas por Sua graça que nós chegámos até aqui. E é com esperança, que olhamos para o nosso futuro, incrível com Ele.

quinta-feira, 2 de junho de 2016

JEOVÁ El-Roí

Este é o nome que a escrava egípcia de Sara, Hagar, chamou a Deus no seu tempo mais profundo de angústia. Sara convenceu o seu marido Abraão a ter Hagar como sua segunda esposa para que esta lhe desse um filho, porque Sara era estéril. Sara pensou que isso iria trazer-lhe alegria, mas em vez disso, irritou-se ainda mais e acabou odiando Hagar.
 Hagar fugiu para o deserto e clamou a Deus. E foi lá que o Senhor se encontrou com ela e disse-lhe que estava grávida e que devia voltar para Sara e se submeter a ela. O Senhor ouviu Hagar e assim ela O reconheceu "Tu és o Deus que me vê."
Através desta história, vemos um Deus que ouve o nosso clamor, um Deus que independentemente do sítio onde estamos atende-nos e responde ao nosso sofrimento.
Sabemos que Deus é o mesmo hoje como Ele foi, então como Hagar, também podemos saber que Ele vê a nossa aflição; Ele vê-nos no nosso lugar de desespero e mágoa.

Nós podemos confiar no nosso Deus que tudo vê, que no Seu amor e compaixão nos ajuda, nos conforta e nos dá a vitória.

WEBTV ClubeMais+