segunda-feira, 12 de abril de 2021

O RESULTADO É CONTIGO

Tu determinas o resultado dos acontecimentos na tua vida, porque Deus não deu a ninguém a não ser a cada um de nós o controlo das nossas opções. Quando as coisas não estão a funcionar, muitas vezes olhamos para o lado em busca da razão. Como Eva, dizemos: "...A serpente enganou-me e eu comi..." Génesis 2:13. Ou então dizemos como Adão: "...A mulher que me deste por companheira, ela deu-me da árvore e eu comi." Génesis 2:12. Mas o salmista diz: "Em Deus louvarei a Sua palavra; em Deus pus a minha confiança e não temerei; que me pode fazer a carne?" Salmo 56:4.
Por vezes acreditamos que as circunstâncias para além do nosso controlo são responsáveis; mas com Deus, todas as coisas, incluindo pessoas e circunstâncias, contribuem juntamente para o nosso bem (Romanos 8:28)., não para a nossa derrota! As tuas descrenças vitimizam-te e predispõem-te para um estilo de vida no qual tentas mudar as pessoas e as circunstâncias. Em vez de te transformares em alguém que resolve os problemas, passas o tempo a lançar culpas aos outros. Aceita a verdade de que não importa o que o diabo, ou os outros ou as circunstâncias façam, Deus dá-te o direito à última palavra na tua vida (1João 1:44) O resultado final não é determinado por o que se passa à tua volta, mas pelo que se passa dentro de ti ("Porque, como imaginou na sua alma, assim é..." Provérbios 23:7).
Acredita na capacidade de Deus para te fazer passar triunfalmente pelas tuas dificuldades!

quarta-feira, 24 de março de 2021

ALEGRIA

Uma das características mais dominante nas crianças, é a alegria. Por mais que por vezes vejamos alguma triste ou mais chorosa, rapidamente a vemos a correr, sorrir e brincar. Tendem a rir por dois motivos: Exatamente tudo...e rigorosamente nada! Saboreiam os momentos, com a leveza que as caracteriza. E deixam-se ir. Embaladas por sorrisos, risos e gargalhadas, lá andam no mundo delas. Sempre com um teimoso brilho no olhar. Uma luminosidade no rosto... Porquê? Porque não vivem angustiadas ou presas ao passado. Estão ainda a escrever a sua história. Sem medos, sem receios. Com leveza e ingenuidade. E com uma enorme vontade de desfrutar etapa a etapa.
A Bíblia diz: "Regozijais-vos sempre no Senhor; outra vez vos digo, regozijai-vos." Filipenses 4:4.
Vivermos alegres não é uma utopia. Nem tão pouco algo reservado unicamente para as crianças. Deus quer que vivamos alegres. Não de vez em quando. Não só quando as circunstâncias são favoráveis. Mas sempre! Não obstante...Apesar de...Mesmo que...
Deus quer que tenhamos a capacidade de sorrir, no meio do nosso pranto; do nosso medo. Sorrir. Porque a nossa alegria não deve depender das circunstâncias, mas sim depender de quem é Deus. E se é verdade que as nossas circunstâncias podem ser muito voláteis e inconstantes, Deus é constante e não muda! Podemos seguramente nos alegrar n'Ele. Alegra-te!

domingo, 21 de março de 2021

SEGURANÇA OU INSEGURANÇA - EIS A QUESTÃO!

O Senhor Jesus era muito consciente de quem era: O Filho de Deus! Isso deu-Lhe segurança para servir da forma como o fez: Lavar os pés dos outros. Essa era uma tarefa dos escravos ou dos mais desprezíveis. Ele não lavou os pés aos discípulos a pensar que não tinha valor. Não se curvou com a ideia de que não tinha dignidade para fazer algo maior. Só foi possível lavar os pés aos discípulos porque reconhecia o Seu valor. Só quem se sente com valor consegue valorizar os outros. Caso contrário, procurará compulsivamente ser valorizado pelos outros. Porque é que os homens, contrariamente a este ato do Senhor Jesus, querem ser servidos em vez de servir? Porque sentem-se desvalorizados. Como tal, procuram valorizar-se pela forma como exibem poder, demonstram riqueza e oprimem outros.
Pessoas inseguras agarram-se a títulos; pessoas seguras agarram-se em toalhas. O ato de servir não é para os fracos e oprimidos, é para os fortes e vencedores.
Vais querer ter a insegurança de querer mandar noutros, ou a segurança de lavar os pés dos outros?

segunda-feira, 15 de março de 2021

DEUS TEM O TEU FUTURO PREPARADO

Rute era uma moabita que tinha ficado viúva, e decidiu viajar com a sua sogra, Noemi, da terra de Moabe para Judá, o povo da sua sogra. Passou por grandes dificuldades financeiras, mas tudo fez para cuidar da sua sogra. Esta instruiu-a a ir atrás de Boaz porque era um parente da sua família e de acordo com a lei dos judeus, poderia redimi-las para tirá-las da pobreza e cuidar delas. Quando Rute se encontrou com Boaz pediu-lhe para ser seu remidor, e ele respondeu: "Agora pois, minha filha, não temas, tudo quanto dissestes te farei..." Rute 3:11. Não só a redimiu, como tomou-a por mulher. E Deus fez dela a mãe do avô daquele que seria o rei Davi e entraram na árvore genealógica de Jesus Cristo, Homem!
O teu passado pode ter sido marcado por sofrimento. Poderás estar a atravessar dificuldades acentuadas, mas Deus diz: "Não temas!" Tens pedido por ajuda (por um remidor). Deus é o teu remidor e, em Jesus Cristo, Ele restaurará a tua vida, a tua condição e fará muito mais além daquilo que pensas ou pedes (Efésios 3:20). Deus tem preparado o teu futuro e algo maravilhoso Ele fará: "Porque Eu bem sei os pensamentos que penso de vós, diz o Senhor; pensamentos de paz e não de mal, para vos dar o fim que esperais." Jeremias 29:11.

domingo, 14 de março de 2021

OS TEUS ERROS NÃO SÃO O FIM QUANDO PÕES DEUS NO PRINCÍPIO!

O povo de Israel afastou-se de Deus, e adorou os "deuses" das nações ao redor. Desobedeceram àquilo que Deus lhes disse. E foram derrotados e espoliados pelos inimigos. Estavam em grande aflição. Mas Deus levantou um líder para os ajudar: Samuel. E as suas palavras foram: "Não temais! Vós tendes cometido todo este mal, porém não vos desvieis de seguir ao Senhor, mas servi ao Senhor com todo o vosso coração." 1Samuel 12:20. Tinham falhado, mas Deus não os queria destruir. Queria restaurá-los à condição de adoradores e vencedores.
Disse-lhes ainda: "Pois o Senhor não desamparará o Seu povo por causa do Seu grande nome; porque aprouve ao Senhor fazer-vos o Seu povo." 1Samuel 12:22.
Podes ter falhado e estar a sofrer por isso. Podes sentir medo de voltar-te para Deus, ou de tentar outra vez. Mas Deus diz: "Não temas!"
Deus não te rejeita por causa dos teus erros. Ele enviou o Seu Filho Jesus Cristo para perdoar e salvar, não para condenar! Aceita o Seu perdão; vem para junto de Deus. Não temas! Ele prometeu que não te abandonaria. Os teus erros não são o fim quando pões Deus no princípio. Ele vai restaurar-te para seres um adorador e vencedor!

quinta-feira, 11 de março de 2021

FICA COM DEUS E ESTARÁS SEGURO

Eram tempos de perseguição e grande perigo. O rei Saul ficou louco na sua luta pela afirmação do trono e perseguia Davi e todos os que o apoiavam, ou amavam. Nessa fúria cega, Saul matou injustamente o sacerdote Aimeleque. O seu filho Abiatar, conseguir fugir e fugiu para Davi. Este deu-lhe proteção e disse-lhe: "Não temas! Fica comigo. Os teus inimigos são meus inimigos." 1Samuel 22:23.
Poderás estar a viver com algum tipo de perigo. Situações ameaçadoras podem cercar-te. Mas há um abrigo seguro, ondes podes estar protegido e em paz: Deus! O Deus Todo-Poderoso! "Torre forte é o nome do Senhor; para ela correrá o justo e estará em alto retiro." Provérbios 18:10. Estas são as palavras do Senhor Jesus Cristo: "Vinde a Mim todos os que estais cansados e oprimidos e Eu vos aliviarei." Mateus 11:28. A tua segurança não é posta em causa por causa da intensidade das adversidades, mas pelo distanciamento do teu abrigo. Fica junto a Deus e não importa qual o tipo de ameaças e adversidades, porque estarás seguro! Poderás dizer como o salmista: "Aquele que habita no esconderijo do Altíssimo, à sombra do Omnipotente descansará." Salmo 91:1.

sexta-feira, 5 de março de 2021

AQUELE QUE GOVERNA LEMBRA-SE DE TI

A história de Mefibosete é uma linda história de redenção. Neto do rei Saul, tudo indicava que reinaria no trono. Mas tragédias aconteceram na sua vida. O seu avô e o seu pai foram mortos em batalha. E, quando nasceu, numa fuga apressada, deixaram-no cair, o que o levou a ficar aleijado dos pés.
Foi para uma terra chamada Lo-Debar, que significa "sem pasto", onde cresceu escondido, com medo e com dificuldades financeiras e físicas.
Quando Davi assumiu o trono como rei, procurou saber se havia alguém vivo da família de Jónatas, para honrar e cuidar. Falaram-lhe de Mefibosete. Mandou chamá-lo de Lo-Debar e disse-lhe: "...Não temas, porque decerto usarei contigo de beneficência por amor de Jónatas, teu pai, e te restituirei todas as terras de Saul, teu pai, e tu de contínuo comerás pão à minha mesa." 2Samuel 9:7.
Poderás ter passado por situações trágicas no passado, que deixaram marcas na tua vida e afetaram o teu andar. E deixaram-te numa "terra sem pasto", sem grandes condições. Mas há um rei que te chama e que quer usar de bondade para contigo. Talvez pessoas ou circunstâncias trataram-te com maldade, mas Deus tem bondade suficiente para suplantar e superar toda e qualquer maldade. Ele irá restituir tudo o que perdeste de várias formas. E mais: Quer que te sentes sempre à Sua mesa, tenhas livre acesso à Sua presença, comunhão e recursos. Não temas! Aquele que governa lembra-se de ti e estende a Sua bondade sobre ti!

sábado, 27 de fevereiro de 2021

VAI HAVER SUFICIÊNCIA, NÃO TEMAS!

Havia uma grande seca na Terra. Por isso muita escassez e fome. O profeta Elias foi enviado por Deus para ser sustentado por uma viúva em Sarepta (1Reis 17). Quando lá chegou, a viúva preparava-se para tomar a última refeição e esperar a morte e a morte do seu filho.
Então Elias disse algo que parecia absurdo: "...faz disso para mim, um bolo pequeno e traze-mo para fora; depois farás para ti e para o teu filho." O Profeta não quis aproveitar-se dela, quis trazer, sim, os princípios para a provisão Divina: 1. O que fizeres não o faças por desespero, mas com fé; 2. Põe Deus em primeiro; 3. Não fiques à espera de receber, toma a iniciativa de dar.
Qual foi o resultado? "...comeu ela, e ele, e a sua casa muitos dias. Da panela da farinha se não acabou, e da botija o azeite não faltou, conforme a palavra do Senhor, que falara pelo ministério de Elias."
Poderás estar a viver tempos de dificuldade, de seca, de escassez; ou dívidas por liquidar. Não entres em pânico. Segue os princípios para a provisão Divina. Não faças nada por desespero, mas tem fé em Deus; põe Deus em primeiro lugar e toma a iniciativa de dar. Parece loucura, dadas as circunstâncias atuais em que vivemos. Também parecia, na história da viúva, mas trouxe provisão sobrenatural para muitos dias. Não temas!

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2021

OS NOSSOS DIAS ESTÃO NAS MÃOS de DEUS

Nada apanha Deus de surpresa! Nada! Nem o caos, nem a crise, nem catástrofes, nem doenças. Rigorosamente nada! Deus é o Único capaz de conhecer o passado, presente e futuro. Ele domina toda a dimensão temporal. Todos os espaços. Então, não devíamos andar ansiosos com os nossos dias. Eles servem um propósito. O propósito para o qual fomos chamados à existência. E dependem d'Aquele que nos criou. Que nos amou de tal maneira que deu o melhor de Si, o Seu Filho Jesus Cristo! Por amor. A nós. Sem limites. Sem condições. Aquele que nos diz: "Porque Eu bem sei os pensamentos que penso de vós, diz o Senhor; pensamentos de paz, e não de mal, para vos dar o fim que esperais." Jeremias 29:11. Então tenhamos esperança! Pois os nossos  dias não dependem da bonança. De tudo nos ser favorável. Nem tão pouco dependem de catástrofes, fatalidades ou imprevistos. De todo! Estão nas mãos de Deus. Debaixo do Seu cuidado. Servem um propósito maior que nós mesmos. Uma missão. E enquanto não chegar a nossa hora, hora de nos juntarmos ao nosso Criador, num lugar perfeito, sem dor ou corrupção, não importa o bom ou mau que venha. Não afetará o número dos nossos dias.
Então, descansemos! Está tudo sobre o Seu controlo. Por amor, para nosso bem. Está tudo certo!

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2021

NÃO TE DESVIES

 A Bíblia diz: "Portanto convém-nos atentar com mais diligência para as coisas que já temos ouvido, para que em tempo algum nos desviemos delas. Como escaparemos nós, se não atentarmos para uma tão grande salvação..." Hebreus 2:1,3. Repara nas palavras "desviemos" e "atentarmos". Estas palavras deveriam fazer soar os alarmes! O declínio de Sansão, por exemplo, foi tão gradual que ele nem percebeu o que estava a acontecer. Tão simples como carregar num botão, ele tinha-se habituado a depender do poder de Deus, a vencer todos os inimigos e ultrapassar todos os obstáculos. Mas o pecado e o comodismo foram a sua ruína (Juízes 16:20,21).
Quando negligenciamos Deus, começamos a "desviarmo-nos". As nossas orações não são tão eficazes. Começamos a deixar de ser uma influência divina para os que nos rodeiam. Voltamos aos nossos antigos padrões. Recusamo-nos a perdoar aqueles que nos ofendem. Não resolvemos as coisas com aqueles que magoamos. Começamos a fazer o que é conveniente e confortável em vez de fazermos o que está certo. Guardamos atitudes de medo e ressentimento. Alimentamos a nossa velha natureza e negligenciamos a nova.
Tudo isto são sinais de que precisamos de um "check-up espiritual". Vamos pedir hoje a Deus que destaque as atitudes, atividades e relacionamentos com os quais precisamos de lidar, e comecemos a erradicá-los da nossa vida! 
A boa notícia é que quando obedecemos à Palavra de Deus e à orientação do Espírito Santo, reconquistamos a nossa vitalidade espiritual e Deus pode-nos usar mais eficazmente!

sexta-feira, 29 de janeiro de 2021

É CONNOSCO!

     A Bíblia diz o seguinte: "Porque o Filho do homem virá na glória de Seu Pai, com os Seus anjos; e então    dará a cada um segundo as suas obras." Mateus 16:27
Sejamos claros: A forma como vivemos agora determinará o que nos acontecerá na eternidade. As escolhas que fazemos a cada dia não desaparecem quando partirmos. Elas importam e continuarão a importar pela eternidade. O nosso destino eterno é determinado por aquilo em que acreditamos e seguimos, mas a nossa recompensa eterna é o resultado de como nos comportamos aqui. Se acreditarmos e vivermos de acordo com isso, iremos mudar a nossa maneira de pensar na vida e em Deus.
Deus quer que saibamos que as consequências positivas das nossas ações hoje, podem mudar as nossas perspetivas eternas de forma surpreendente e maravilhosa, e Ele não quer que percamos mais um minuto. Não temos de nos preocupar com o que nos espera do outro lado, quando o nosso coração bater pela última vez. Não são os outros que decidem, somos nós!
Já não podemos fazer nada quanto ao nosso passado, mas, se quisermos começar agora mesmo, podemos mudar o nosso futuro. Uma escolha, um dia, uma ação de cada vez! A escolha é nossa!

terça-feira, 19 de janeiro de 2021

JESUS AMA-TE INCONDICIONALMENTE

A Palavra de Deus diz: "Bem-aventurado aquele cuja transgressão é perdoada, e cujo pecado é coberto." (Salmo 32:1). Por mais que trabalhássemos nunca poderíamos pagar a dívida do nosso pecado. E agradece a Deus o facto de não o termos de fazer, porque "Deus amou o Deus de tal maneira de que o Se Filho Unigénito, para que todo aquele que n'Ele crê não pereça, mas tenha a vida eterna." (João 3:16). Há alguns anos uma congregação decidiu honrar um dos seus pastores reformados. Ele tinha 92 anos e os anciãos da igreja pediram que ele dirigisse algumas palavras à igreja. Ele ergueu-se da sua cadeira e caminhou com grande dignidade e esforço até ao estrado. Apoiando-se no púlpito, sem nenhum tipo de notas, começou a falar: "Quando o vosso Pastor me pediu para vir até aqui, pediu-me para falar sobre a maior lição que aprendi em mais de cinquenta anos a pregar. Pensei nisso durante alguns dias, e tudo se reduziu àquilo que fez a maior diferença na minha vida e me sustentou em todas as minhas provações. A única coisa na qual me posso apoiar quando as lágrimas, os desgostos, a dor, o medo e a mágoa me paralisam é que Jesus me ama! Sim, Jesus ama-me! Disto eu tenho a certeza, porque assim a Bíblia assim o diz. Os pequeninos a Ele pertencem. Eles são fracos, mas Ele é forte. Sim, Jesus ama-me! Sim, Jesus ama-me! Sim, Jesus ama-me! A Bíblia assim o diz!"
    Poderia ouvir-se um alfinete a cair no chão quando o Pastor voltou para o seu lugar. Foi algo que a congregação nunca esqueceu. É algo que tu também nunca deves esquecer. Jesus ama-te incondicionalmente. É assim hoje, amanhã e para sempre! 

segunda-feira, 18 de janeiro de 2021

CONCENTRA-TE NAS OPORTUNIDADES E NÃO NOS TEUS DIREITOS

As pessoas e as circunstâncias não determinam a tua atitude, tu sim! Para venceres na vida tens de aprender a concentrares-te nas tuas oportunidades, e não nos teus direitos. A partir de uma cela da prisão Paulo escreveu: "Quanto ao mais irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude e se há algum louvor, nisso pensai." (Filipenses 4:8). Claramente, as circunstâncias podiam prender Paulo, mas não podiam deitá-lo abaixo!
    Uma das grandes razões para o descontentamento é a nossa luta constante pelos nossos direitos. Já foste prejudicado? Já sentiste que não recebeste um tratamento justo? Isso porque vives num mundo imperfeito. E enquanto viveres, nunca sentirás que tudo o que fazes é recompensado justamente. Então, és confrontado com uma decisão: Vais gastar o teu tempo e a tua energia naquilo que deve ser, ou ultrapassar isso e concentrares-te no que pode ser? Mesmo quando a verdade e a justiça estão do teu lado, podes nunca ser capaz de corrigir todos os teus erros. Mas Deus pode! Então deixa tudo nas mãos d'Ele. Estares constantemente a lutar pelos teus direitos apenas faz com que te sintas irado e cheio de ressentimento, porque essas emoções destrutivas minam a tua energia, e fazem-te ser negativo.
    Não podes progredir quando estás a olhar para o lado errado! Só quando te focares na direção certa te irás dirigir para a direção certa. Isto não significa que não sentirás a dor; apenas significa que escolhes perdoar, e apontares diretamente para o que podes controlar: As tuas atitudes e as tuas oportunidades!

terça-feira, 12 de janeiro de 2021

BUSQA DEUS, NÃO COISAS!

 O Senhor "...não recusa nenhum bem aos que vivem com integridade." (Salmo 84:11). Mas é importante reconhecê-Lo como a fonte de todas as nossas bençãos. E neste ponto, todos ficamos um pouco aquém! Vamos admitir que, mais não é necessariamente melhor. De facto, a nossa dependência de Deus diminui à medida que a nossa dependência das coisas aumenta. É por isso que a Lei desencorajava a construção de um império. No Velho Testamento, os empréstimos aos pobres deviam ser livre de impostos (Êxodo 22:25); as dívidas deveriam ser canceladas a cada sete anos (Deuteronómio 15:1,2): os escravos deveriam ser libertados e deveriam receber os meios necessários para recomeçar as suas vidas (Deuteronómio 15:12-14); as terras vendidas deveriam ser resgatadas pela família (Levítico 22:25); e a propriedade que fora vendida, ou perdida e não resgatada, deveria regressar ao seu dono inicial (Levítico 25:14-17). Porquê? Porque Deus queria que o Seu povo dependesse d'Ele, e não das posses. Ele advertiu-os (Deuteronómio 8:13-18).
Os princípios de Deus não mudaram. A Bíblia não diz que Deus recompensa aqueles que diligentemente "procuram coisas". Não! Mas diz que "...recompensa aqueles que O buscam" (Hebreus 11:6).

domingo, 3 de janeiro de 2021

SENTE PAIXÃO

 Uma mãe águia sabe que se ficar à espera que o seu filhote saia do ninho e voe por iniciativa própria, isso nunca acontecerá. Então ela empurra-o! É radical, mas ele aprende a voar e a cumprir o seu destino. John Maxwell diz: "Para sermos bem-sucedidos na vida temos de ficar dentro da nossa zona de força, e continuamente sair da nossa zona de conforto." Já alcançaste alguma coisa significativa enquanto estiveste dentro da tua zona de conforto? A resposta é "não", não é? Porque não gostamos de sair da nossa zona de conforto. Resistimos. Gostamos de nos sentir salvos e seguros. Não queremos parecer tolos ou dar de cara no chão. E à medida que vamos ficando mais velhos, naturalmente tornamo-nos mais complacentes. Isto é um problema porque a complacência mata a paixão. Reduz-nos à média. Corta-nos as asas e impede-nos de subir, independentemente do quanto o queremos fazer. É preciso iniciativa para ser bem sucedido seja no que for na vida. É preciso assumir riscos. O dramaturgo George Bernard Shaw disse: "Estou farto de pessoas razoáveis; elas veem todas as razões para não fazerem nada."
A paixão impulsiona-nos a deixar a nossa zona de conforto e a atravessar o limiar da nossa dúvida. Empurra-nos para fora da porta para podermos continuar com a viagem da vida que Deus concebeu para nós. Diz-se que quando se encontra a porta da oportunidade não é suposto bater, é suposto empurrar! Então dá um passo de fé, toma a iniciativa, e acredita que Deus está contigo! (Deuteronómio 31:6).