terça-feira, 29 de julho de 2014

DEUS, O PAI!

O Senhor Jesus contou a história de um filho que saiu da casa de seu pai. Depois da ascenção e da queda, este fugitivo acordou numa pocilga, perguntando-se: “Como cheguei até aqui? Preciso de voltar para trás, mas o que irá o meu pai dizer?”
Já alguma vez pensámos nisto: “Se eu voltar atrás, como irá Deus receber-me?” Alguns dizem que Ele não quer saber mais de nós. Mas não é assim que Jesus descreveu o Seu Pai.
Lucas escreveu isto na Bíblia para que todos os querem correr saibam o que podem esperar quando quiserem reverter o seu caminho. Estás a fugir de Deus? Pára, volta e regressa a casa. Ele está à espera para te dar as boas vindas.
Não há pecado que ele não possa perdoar e não há nenhum vício que o sangue de Jesus não possa remover.

quarta-feira, 23 de julho de 2014

OS PRINCÍPIOS DE GIBEOM

Os gibeonitas eram uma nação que Deus disse a Josué para destruir. Apesar de serem gentios, eram sábios o suficiente para saberem que estavam no lado errado. Então disfarçaram-se e convenceram Josué a fazer um pacto com eles, dizendo: “Nós somos teus servos…” (Josué 9:8).
Quando os seus velhos aliados ouviram que eles tinham unido forças com Israel, declararam-lhes guerra. Por causa do pacto que tinha feito com eles, Josué lutou por eles e livrou-os. Esta passagem da Bíblia pode ensinar-nos três coisas:
Primeiro: Chega um momento em que, a fim de seguir a Deus, temos de fazer a ruptura com o nosso passado. Algo que nos perturba é querermos seguir em frente, mas pensando que vamos aborrecer alguém com essa atitude ficamos para trás. Mas temos de ultrapassar isso. “Se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram, eis que tudo se fez novo.” (2Coríntios 5:17).
Segundo: Os gibeonitas estavam desejosos de se humilhar e de pedir ajuda. Não importa o quão dotado possas ser, haverá alturas em terás de chegar perto dos outros e dizer: “Estou com problemas, ajudem-me.”
Terceiro: Quando te recordares onde já estiveste, ficarás grato pelo lugar onde estás. Os gibeonitas ficaram como lenhadores e transportadores de água; estavam felizes só por servir. Esquece aquela ideia de quereres ser uma celebridade espiritual. Limita-te a servir! Servir é vertical: “Servi ao Senhor com alegria.” (Salmo 100:2), mas também é horizontal: “…servi-vos uns aos outros pela caridade.” (Gálatas 5:13).

segunda-feira, 14 de julho de 2014

A FÉ NÃO EXIGE EXPLICAÇÕES

A lepra é uma morte lenta e dolorosa. Primeiro, perde-se os dedos das mãos e não podiam trabalhar; depois perde-se os dedos dos pés e não se pode andar; depois ataca os órgãos internos. Cada dia, o leproso perde um pouco mais de si próprio.
1. Se sentes que “estás a perder algo” vira-te para Jesus. Só Ele pode restaurar o que perdestes e restituir-te a paz e a alegria.
2. Levanta a tua voz com dignidade. As pessoas desesperadas fazem coisas desesperadas. Deus promete: “E buscar-me-eis, e me achareis, quando me buscardes de todo o coração.” (Jeremias 29:13)
3. Seja o que for que Deus te diga, faz. Não imponhas condições a Deus. Não procures uma experiência parecida com a de outra pessoa. Jesus disse aos leprosos para irem mostrar-se ao Sacerdote. Simplesmente falou com eles. Não perguntes, obedece! A fé não exige explicações.
4. Dá um passo de fé. Lucas escreve: “…eles ficaram limpos.” Tens de avançar, cada passo leva-te a um passo mais à frente. Nada vai acontecer antes de dares o primeiro passo!
5. Começa a louvar a Deus. Apenas um dos dez voltou para agradecer, e Jesus reparou nisso. Quando lhe agradecemos, sabemos que podemos voltar outra vez com confiança.

quinta-feira, 3 de julho de 2014

PRAZER de DEUS

Deus tem prazer em ver os Seus filhos serem bem-sucedidos. Qual o pai que não tem o mesmo desejo para os seus filhos?
Davi queria construir o Templo, mas em vez dele, Deus escolheu o seu filho Salomão. Por vezes, os nossos desejos são diferentes dos de Deus, então precisamos de O consultar antes de darmos os nossos passos. Se o desejo por algo em nós persiste, é uma indicação que Deus nos está a guiar. Então, estejamos atentos aos sinais, escutemos o Espírito Santo, avaliemos tudo em oração; estejamos prontos para responder a Deus; rejeitemos tudo o que nos possa trazer dúvidas; peçamos sabedoria a Deus e esperemos por ela. A sabedoria é a capacidade de ver e interpretar as coisas através dos olhos de Deus. Que vantagem! (Salmo 119:130). Afinal de contas, Deus uma vez Deus usou um burro e mudou a História (Números 22:27-34).
Quando Deus nos salva Ele renova a nossa mente, pois este é o quadro onde Ele vai desenhar o nosso futuro. Lidar com a mente deve ser uma das nossas maiores prioridades (Filipenses 4:8).
Não vamos continuar a justificar o falhanço. Recusemos bloquear. Em vez disso, assinalemos a data de hoje do nosso calendário e declaremos, em nome de Jesus, que os melhores dias da nossa vida estão a começar agora mesmo (Salmo 37:25).

WEBTV ClubeMais+