segunda-feira, 26 de maio de 2014

SEM SINAIS DE TRÂNSITO

Foi um trabalho de especialistas. Utilizaram poucas ferramentas: escadas portáteis e chaves de fendas. Fizeram o trabalho de noite, para maior protecção. Em parte foi vingança, e em parte lucro.
Ladrões experientes, durante duas semanas dedicaram-se a roubar fios e cabos dos semáforos das ruas. Isto provocou muitos problemas, aborrecimentos e alguns acidentes. De repente os pacíficos habitantes da cidade ficaram sem sinais de trânsito. Foi uma autêntica situação embaraçosa.
Andar por ruas repletas de trânsito, e por auto estradas onde os veículos andam a grandes velocidades, e não ter nenhuma luz, nenhum sinal indicativo, é quase aterrador.
Que seria a vida nas grandes cidades do mundo se não existisse nenhum sinal indicador, nenhum painel orientador? Ninguém saberia por onde ir. Imaginemos uma cidade onde não se indica se uma rua é de dois sentidos ou de um só; se se deve ir a 30kms por hora ou a 100; se tal localidade está à direita ou à esquerda do rumo seguido. A confusão, e também a morte, apoderar-se-iam dessa cidade!
Até o nosso corpo envia sinais de perigo, tais como febre, um suor nocturno, uma palpitação no coração, uma dor aqui ou ali, antes que ocorra algo irreparável.
E que seria da Humanidade se Deus não houvesse colocado sinais indicadores para o ser humano? Ao longo da História da Humanidade, Deus tem dado sinais aos homens do quanto os ama, até que um dia enviou Jesus, não apenas para nos salvar, mas também para O seguirmos. Para sabermos para onde vamos. Para nos orientar no dia-a-dia. Ele é o “Sinal de Trânsito” de Deus para o ser humano. Quem O segue não se perde, não se desorienta. Encontra sempre o rumo para a sua vida. Saberá sempre para onde vai!  

Sem comentários:

WEBTV ClubeMais+