quinta-feira, 30 de outubro de 2014

NÃO CEDAS À AMARGURA

No que diz respeito à amargura (Efésios 3:1), há duas coisas que precisamos de ter sempre presente na nossa mente:
Primeira: É contagiosa. Tu e eu somos parte do corpo de Cristo. Então o que acontece dentro de nós, afecta, positivamente ou negativamente, aqueles a quem estamos ligados (1Coríntios 12:26). Uma mordidela de uma serpente não afecta apenas a parte do corpo que é mordida, o veneno espalha-se por todo o corpo, afectando todos os órgãos. (Hebreus 12:15). Todos nós precisamos uns dos outros. Ao conseguirmos ultrapassar a amargura vamos espalhar as bênçãos de Deus uns aos outros.
Segunda: Pode ser ultrapassada. Quando tomamos consciência dela e a admitimos. Quando nos arrependemos e rejeitamos qualquer atitude que não é de Cristo. Quando nos submetemos a Deus. Não infectando os outros e não deixar que os outros nos infectem. Tomemos a decisão de perdoar tudo o que é feito contra nós (“…perdoando-vos uns aos outros, como também Deus vos perdoou em Cristo.” Efésios 4:32). Procuremos formas práticas para que isto seja realidade (“Antes sede uns para com os outros benignos, misericordiosos…”Efésios 4:32).

Sem comentários:

WEBTV ClubeMais+