segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

UMA CARTA DE AMOR DE JESUS

A mensagem mais importante do mundo é a de João 3:16: “Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o Seu Filho Unigénito, para que todo o que n’Ele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.” Deus enviou o Senhor Jesus por amor, e envia-nos a nós para comunicarmos isto!
Porque já é manifesto que vós sois a carta de Cristo, ministrada por nós, e escrita, não com tinta, mas, com o Espírito de Deus vivo, não em tábuas de pedra, mas nas tábuas de carne do coração.” (2Coríntios 3:3), enviada a mundo perdido, que anseia por respostas.
Ora, quando uma carta chega, colocam-se algumas questões: (1) A quem se dirige? Esta carta, de Deus, dirige-se “…a todos os que crêem…”. Temos uma boa notícia para o mundo. É algo mais importante do que uma redução nos impostos, um aumento do salário, a solução para o aquecimento global ou a cura para o cancro. Amigos, inimigos, familiares, vizinhos, colegas de trabalho e desconhecidos precisam da notícia de esperança que temos. (2) Quem a enviou? A identidade do autor determina o grau de interesse do leitor. Nós somos uma carta de Cristo, sobre Cristo (“Porque não nos pregamos a nós mesmos, mas a Cristo Jesus…). A nossa mensagem não é autocentrada, mas aponta para Cristo (“Eu sou o Caminho, e a Verdade e a Vida; ninguém vêm ao Pai senão por mim.”). Os religiosos fazem propaganda religiosa. Nós proclamamos Cristo. Podemos questionar-nos: “Será que as pessoas se interessam por Jesus?” Sim! Ao longo da Sua vida, Ele atraiu multidões. Desde que ressuscitou, chama milhares de pessoas de todos os estratos sociais e de todas as nações.
Hoje em dia, nada é mais necessário do que um retrato vivo do Senhor Jesus Cristo. Portanto, entregue a sua carta de amor a todos os que se cruzarem consigo!

Sem comentários:

WEBTV ClubeMais+