sábado, 15 de julho de 2017

MANTER UM ESPÍRITO CERTO


Consideremos as seguintes questões em relação à nossa própria vida:

- Quais as áreas que precisamos de proteger no nosso coração (alma)? Ou seja, onde estamos mais vulneráveis? “Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o teu coração, porque dele procedem as saídas da vida.” (Provérbios 4:23).
- O que que significa ter um espírito firme e disponível (voluntário)? “ Cria em mim, ó Deus, um coração puro, e renova em mim um espírito recto. Não me lances fora da tua presença, e não retires de mim o teu Espírito Santo. Torna a dar-me a alegria da tua salvação, e sustém-me com um espírito voluntário.” (Salmo 51: 10-12).
- De que forma temos a comparar-nos com os outros? Há momentos em que achamos que merecemos mais respeito ou honra do que aquela que estamos recebendo? “Porque não ousamos classificar-nos, ou comparar-nos com alguns, que se louvam a si mesmos; mas estes que se medem a si mesmos, e se comparam consigo mesmos, estão sem entendimento. Porém não nos gloriaremos fora de medida mas conforme a recta medida que Deus nos deu, para chegarmos até vós.” (2Coríntios 10:12,13).
 - Quem são os nossos relacionamentos? Esses relacionamentos movem-nos para a frente na nossa vida cristã ou impedem-nos? Que efeito têm eles na nossa vida? “Não vos prendais a um jugo desigual com os infiéis; porque, que sociedade tem a justiça com a injustiça? E que comunhão tem a luz com as trevas?” (2Coríntios 6:14).
- Quão bom somos a assumir a responsabilidade pelo fracasso? Como podemos melhorar nesta área? “O que repreende o escarnecedor, afronta toma para si; e o que censura o ímpio, recebe a sua mancha. Se fores sábio, para ti sábio serás; e, se fores escarnecedor, tu só o suportarás.” (Provérbios 9:7,12).
- Quem culpamos quando experimentamos oposição? Estamos lutando contra os inimigos certos? “Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas sim contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais.” (Efésios 6:12).

- Quem ganha a glória quando experimentamos sucesso? “Esforça-te e tem bom ânimo; porque tu farás a este povo herdar a terra que jurei a seus pais lhes daria.” (Josué 1:8) “Porque o Senhor é o nosso Deus; Ele é que nos fez subir, a nós e a nossos pais, da terra do Egipto, da casa da servidão, e o que tem feito estes grandes sinais aos nossos olhos, e nos guardou por todo o caminho que andamos, e entre todos os povos pelo meio dos quais passamos.” (Josué 24:17).

Sem comentários:

WEBTV ClubeMais+