domingo, 16 de outubro de 2016

PROVAS DA RESSURREIÇÃO DE JESUS

No tempo do Senhor Jesus, quando um carpinteiro terminava um trabalho, era costume lavar as suas mãos, secá-las num pano de linho, dobrá-lo e deixá-lo em cima da sua obra. Aquele pano era a sua marca. Qualquer pessoa que visse a obra saberia que o trabalho estava pronto. No domingo da ressurreição, Pedro viu “…que o lenço, que tinha estado sobre a Sua cabeça, não estava com os lençóis, mas enrolado num lugar à parte…e creu.” (João 20:7,8). Os cientistas dizem que as provas infalíveis vêm depois de repetidas experiências e de múltiplas confirmações. Aqui ficam cinco provas infalíveis de que Jesus ressuscitou:
- Maria Madalena viu-O (João 20:16,18).
- Mais que uma mulher foi ao túmulo e viram-No (Mateus 28:9).
- Os discípulos falaram com Ele (João 20:20).
- Os Apóstolos reconheceram-No (Actos 1:11).
- 500 Pessoas testemunharam que O viram (1Coríntios 15:6).
A ressurreição de Cristo é a base da nossa salvação e a esperança sobre a qual a nossa eternidade se apoia.

Num culto de Páscoa no Bangladesh, uma congregação estava a ver um filme sobre Jesus, e quando foi a cena da crucificação todos desataram a chorar. Mas, subitamente um rapazinho levantou-se e disse bem alto: “Não se preocupem, Ele vai levantar-se outra vez! Eu já vi esse filme!”

Sem comentários:

WEBTV ClubeMais+