quarta-feira, 13 de maio de 2015

COMO ULTRAPASSAR O PASSADO

Muitos têm capítulos na sua história que gostariam de poder re-escrever. A dor emocional que não foi resolvida gera a devastação no teu sistema imunitário, nas tuas funções cardíacas, nos teus níveis hormonais e em outras funções físicas. Temos de fazer as pazes com o nosso passado porque a nossa vida pode literalmente depender disso. Para ultrapassares e esqueceres o teu passado tens de, primeiro, começar a olhar para ele de forma diferente. Dá-lhe um significado diferente. Pergunta: "Como é que isto me tornou mais forte? O que sei agora que não sabia antes?" Não te concentres naquilo que perdeste, mas naquilo que ganhaste. Segundo, compreende a diferença entre culpa e vergonha. A culpa é sentires-te mal com o que fizeste, isto é saudável; a vergonha é sentires-te mal com aquilo que és, é tóxico e debilitador. Todos nós temos coisas que gostaríamos de mudar em nós, mas quando Deus nos criou Ele disse: "...e eis que era muito bom..." (Génesis 1:31), então começa a ver-te como Ele te vê. Pára de te punir pensando constantemente "e se". Depois de ter tropeçado seriamente e de Deus o ter segurado, Davi escreveu: "Bem-aventurado aquele cuja transgressão é perdoada e cujo pecado é coberto. Bem-aventurado o homem a quem o Senhor não imputa maldade, e em cujo espírito não há engano." (Salmo 32:1,2). Perdoa-te, pois Deus em Jesus Cristo já o fez. Porque Ele te vê través da cruz, tu és aceite por Ele (Efésios 1:6). Finalmente, passa da dor ao ganho. A cura leva tempo, então espera alguma raiva, medo e tristeza. Não negues estes sentimentos, são parte do processo. Mas também não os adoptes. Sabe quando é tempo para avançar. Tu não podes caminhar de costas para o futuro, e o futuro que Deus tem em mente contém mais felicidade do que qualquer passado de que tu te lembres!

Sem comentários:

WEBTV ClubeMais+