sexta-feira, 6 de novembro de 2009

QUANDO DEUS NOS PÕE EM ESPERA

A Bíblia diz que tudo tem o seu tempo determinado (Eclesiastes 3:1). Então, não importa o quanto possamos orar, pois não conseguiremos impedir as mudanças na nossa vida. Há algumas situações que não são para nós mudarmos, são apenas para que possamos sobreviver a elas! O Apóstolo Paulo chama a esses tempos de "...leve e momentânea tribulação..." (2Coríntios 4:17). Quando não podemos mudar as circunstâncias, devemos aprender como crescer através delas. No inverno, as árvores aproveitam a estação para refazerem as suas forças e preparem-se para serem frutíferas na próxima estação. A sua seiva corre por baixo da terra. Então, na primavera ela faz o seu percurso de volta na forma de um novo crescimento. Olhando para a nossa vida em retrospectiva, descobriremos que as nossas realizações foram sazonais. Após o crescimento vem a luta, e vice-versa. Cada estação tem o seu propósito. Deus tem uma razão para não querer que sejamos produtivos o tempo todo. Quando Ele permite que os ventos do inverno soprem sobre a nossa vida, está a preparar-nos para a primavera vindoura. Uma das coisas que vamos nos deparar no tempo da espera é a ansiedade em apressar-nos, tomando por vezes decisões permanentes com base em circunstâncias temporárias. Não façamos isso! Nem toda a situação requer acção imediata. Lembremo-nos que a paciência vem da confiança, e não podemos confiar num Deus que não conhecemos. É por isso que precisamos de dedicar mais tempo relacionando-nos com Ele através da leitura da Sua Palavra e da oração.

Sem comentários:

WEBTV ClubeMais+